Utilização HTTPS para webmail seguro

Webmail seguro – Utilização de HTTPS e melhores práticas de segurança

20/11/2020

Compartilhe!


É inegável, hoje em dia, a necessidade de investimentos em segurança quando se trata de comunicação/transações feitas via internet.

Por isso, como cresce o número de atividades que podemos efetuar online, também é crescente o número de tentativas para capturar informações sigilosas e forjar acessos a determinadas aplicações/sites.

Dentre várias técnicas de segurança existentes uma das mais conhecidas e efetivas é a utilização de conexões seguras para a comunicação em processos eletrônicos.

Sendo assim, uma das formas de conseguir esta segurança é utilizar HTTPS que é a junção do protocolo HTTP, usado para o acesso a internet, com o SSL que provê autenticação e criptografia de dados durante a comunicação online.

Mas como funciona o HTTPS?

Fazendo uma analogia com o acesso realizado por meio de HTTP, temos o seguinte processo:

Segurança com HTTPS

Explicando o processo:

1) É disponibilizada uma máquina para um usuário que fará acesso a um site qualquer.

2) Uma requisição é criada no servidor que hospeda este site.

3) O servidor analisa a requisição e envia uma resposta.

4) Esta resposta contém informações necessárias para a abertura do site em questão, levando-se em conta um cenário onde não ocorra nenhum problema.

Diferença entre HTTP e HTTPS

Este processo de requisição e resposta é feito por meio do protocolo HTTP que utiliza um texto simples, sem criptografia, durante essa comunicação.

Por isso, um invasor que esteja monitorando a comunicação teria como ler todo o conteúdo transferido.

A diferença do processo utilizando o protocolo HTTPS está na segurança da comunicação. Ou seja, ela também funciona com o processo de requisição e resposta, no entanto, todo o tráfego é criptografado e descriptografado utilizando chaves SSL públicas e privadas contidas no certificado digital do site e enviadas pelo servidor durante o processo de comunicação.

Desta forma, garante-se que toda a comunicação seja autêntica e que as informações trafegadas sejam lidas apenas pelos seus reais responsáveis.

Neste cenário, teríamos a seguinte comunicação:

Como funciona o certificado de segurança - HTTPS

Comunicação mais segura do Webmail com HTTPS

A tecnologia HTTPS é recomendada para uma comunicação mais segura e é utilizada por sites de grandes empresas como instituições bancárias, comércios eletrônicos e muitos outros que trabalham com dados sigilosos ou transações financeiras.

Na Task, o acesso ao Webmail é feito 100% com HTTPS para garantir a integridade e a confidencialidade das informações do seu e-mail corporativo.

Além disso, também disponibilizamos servidores e portas específicas para que o acesso seguro seja feito também por gerenciadores de e-mail.

Faltou alguma informação importante? Tem alguma dúvida? Aproveite para deixar seus comentários abaixo e ajude a Task a melhorar ainda mais os serviços e informações.

Quais os principais problemas de segurança dos e-mails?

Além de não utilizar criptografia, ou seja, um certificado de segurança, o comportamento dos usuários também pode trazer riscos para a integridade do e-mail. Isso, porque muitos ataques podem vir por meio de uma mensagem maliciosa, o SPAM.

O SPAM pode ter links e anexos com objetivo de coletar os seus dados, senhas e outras informações importantes. Em nosso blog temos alguns artigos que falam sobre os perigos da Engenharia Social, do Malware, do Spoofing com dicas para se proteger. 

O que fazer para garantir a segurança ao usar o webmail?

Uma boa iniciativa para garantir a segurança na utilização do e-mail profissional em sua empresa é a criação de uma política de utilização dos e-mails, bem como um treinamento para alertar quanto aos riscos de usá-lo de forma indevida. 

Além disso, algumas práticas podem contribuir para um webmail seguro:

  • Faça limpeza da caixa de entrada regularmente;
  • Configure o nível de sensibilidade do SPAM para barrar mensagens suspeitas;
  • Sempre confira o remetente antes de abrir a mensagem;
  • Certifique-se para onde o link do e-mail irá te direcionar (ao passar o mouse sobre ele, aparece no canto inferior esquerdo da tela, o endereço completo do link);
  • Não abra anexos suspeitos;
  • Crie senhas seguras e troque-as com frequência;
  • Cuidado com os dispositivos por onde acessa o seu e-mail;
  • Evite utilizar redes Wifi públicas;
  • Faça uma varredura com antivírus em seu computador com regularidade.

Porque o e-mail profissional é mais seguro que o e-mail gratuito?

Milhões de mensagens maliciosas circulam pela internet o tempo todo, todos os dias. Além de você ter conhecimento sobre as práticas de segurança é importante ter uma ferramenta que também lhe dê mecanismos de proteção. 

Algumas vantagens do e-mail profissional em relação ao e-mail gratuito são:

  • Barreiras de segurança

Além de monitoramento, os e-mails corporativos possuem antivírus e AntiSpam integrados, reduzindo as chances de vazamentos de dados.

  • Backup

A empresas de hospedagem de e-mail corporativo, normalmente, possuem um sistema de backup, prevenindo perdas. 

  • Suporte

Quando você contrata um serviço de e-mail, as empresas disponibilizam um suporte profissional para resolução de problemas e dúvidas dos clientes.

Tudo sobre e-mail corporativo

Quer saber mais sobre e-mail corporativo? Acesse: https://www.emailcorporativo.com.br/

Leia mais

Hospedagem de e-mail corporativo seguro

Compartilhe!


2

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *