Skip to content

Gateway de pagamento: o que é e quais os melhores?

08/07/20247 minutos de leitura

Você já deve ter ouvido falar em gateway de pagamento, caso tenha um negócio online. Se esse é o seu caso, é importante conhecer alguns pontos sobre os assuntos. 

Neste artigo, vamos explicar tudo direitinho, de forma simples e prática sobre gateways de pagamento.

O que é gateway de pagamento?

Os Gateways de pagamento são programas que têm o papel de fazer uma conexão e, em seguida, fazer uma transferência de dados entre um site (loja virtual) e as instituições financeiras. 

Quando fazemos uma compra na internet, precisamos de uma plataforma que faça o processamento do pagamento, protegendo os nossos dados. Esse é o papel do gateway de pagamento. 

Esse sistema é como um mensageiro entre sua loja online e o banco. Além disso, ele garante que a transação financeira seja segura e rápida.

Quando você faz uma compra online, é o gateway que processa o pagamento e verifica se tudo está certo.

Como funciona um gateway de pagamento?

Imagine que você está comprando um livro online. Você coloca os dados do cartão, o gateway criptografa essas informações, envia para o banco, que autoriza a compra. 

Pronto! A transação é concluída em segundos.

O funcionamento de um gateway de pagamento é bem interessante. Vamos ver o passo a passo:

A compra 

A partir da ação do usuário, ou seja, a compra, ele será direcionado para a tela de cadastro e preencher todos os dados para fazer o pagamento, seja por Pix, cartão, boleto ou qualquer outra forma. 

A criptografia

Assim que o cliente clica em concluir a compra, após colocar todas as informações de pagamento, essas são protegidas para garantir a segurança. Ou seja, as informações do cliente são criptografadas. 

O banco 

Agora é a primeira ação do gateway de pagamento da sua loja virtual: ele vai pegar essas informações criptografadas e enviar para o banco do cliente que efetuou a compra.

A autorização 

O banco do seu cliente vai fazer todas as verificações necessárias, como por exemplo o saldo e se há alguma tentativa de fraude. Se tudo estiver certo, o banco vai autorizar.

A confirmação 

O último passo é a autorização do banco. Ele confirma o pagamento e o gateway recebe a resposta e finaliza a transação.

Abaixo, uma imagem que explica, em detalhes, esse processo:

Ilustração com o processo de funcionamento de um gateway de pagamento.

Vantagens de um gateway de pagamento

Os gateways de pagamento são essenciais para o funcionamento de uma loja virtual.

Eles foram criados para, em segurança, facilitar a vida de empresas e clientes.  

Algumas vantagens são:

Praticidade

Os gateways conectam sua loja aos bancos, tornando as transações mais rápidas e sem complicações.

Redução de custos 

Como o seu e-commerce não estará ligado a empresas terceiras, mas diretamente aos bancos, isso trará mais economia nas transações, ou seja, menos taxas.

Conexão direta e segurança

Como os gateways fazem uma conexão direta com bancos e operadoras, temos muito mais segurança e confiabilidade nas transações. 

Além disso, o sistema antifraude com dados criptografados e protegidos traz mais segurança para clientes e empresas. 

Variedade nas formas de pagamento 

Com os gateways, há a possibilidade de multimeios de pagamentos. Ou seja, sua loja irá muito além do cartão de crédito e boleto. 

Dessa forma, os seus clientes poderão pagar por vários cartões, cartão + boleto na mesma compra, e-wallets, Pix etc.

Controle e autonomia 

Deseja ter um sistema operacional próprio? Então, opte por um gateway de pagamento para ter controle total sobre as transações.

Dessa forma, todas as operações acontecem dentro do sistema da loja, com exceção daquelas que ocorrem no sistema do banco ou da operadora de cartão.

Além disso, quando você utiliza esse sistema, você tem a liberdade de definir as condições de pagamento aceitas na loja.

Integração com sistemas

Os gateways de pagamento são facilmente integráveis com sua plataforma e outras ferramentas, como sistemas de proteção contra fraudes.

Esses sistemas analisam as informações durante uma transação e decidem se ela deve ser aprovada ou reprovada.

Possibilidade de negociar taxas

Os gateways de pagamento aplicam uma taxa para cada transação processada em sua loja.

Como taxas mais altas podem impactar negativamente seus lucros, é essencial comparar detalhadamente as taxas de diferentes gateways.

Portanto, antes de fazer sua escolha, negocie melhores condições.

 

Desafios em utilizar um gateway de pagamento

Claro, nem tudo são flores. Existem alguns desafios ao utilizar um gateway de pagamento, mas que são totalmente administráveis:

Contratação de serviços à parte 

Em determinadas situações, você vai precisar contratar outros serviços, como um sistema antifraude.

Custo por transação

Cada venda que você faz em sua loja virtual tem um custo de operação. Por isso, é preciso pesquisar a ferramenta com melhor custo x benefício. 

Gestão de fornecedores

Embora você não precise lidar com várias instituições financeiras para fazer os pagamentos da sua loja, em algumas situações você vai precisar lidar com diferentes fornecedores.

Qualquer negócio pode usar gateways de pagamento?

Em teoria, sim, qualquer negócio pode usar um gateway de pagamento.

No entanto, são especialmente indicados para e-commerces, serviços de assinatura e/ou qualquer negócio que precise processar pagamentos online.

O que é intermediador de pagamentos?

O intermediador de pagamentos, ou “marketplace”, é como um terceiro que faz o meio de campo entre sua loja e o banco. 

Ele cuida de toda a burocracia e segurança da transação.

O que é um provedor de serviços de pagamentos?

O provedor de serviços de pagamentos oferece uma solução mais completa para vendas online, em relação aos itens anteriores.

Pode-se dizer que o PSP combina as vantagens do gateway e as vantagens dos intermediadores.

O provedor de pagamento possui funcionalidades adicionais, como proteção contra fraudes, e amplia as opções de métodos de pagamento online, podendo incluir, inclusive, múltiplas moedas.

Comparados aos gateways de pagamento, os PSPs são mais completos, oferecendo tanto o processamento técnico (função do gateway) quanto o processamento financeiro (transferência real de valores).

 

Dicas para escolher um gateway de pagamento

Aqui vão algumas dicas para escolher o melhor gateway para seu negócio:

  1. O primeiro e mais importante ponto é a compatibilidade de sistemas. Sendo assim, verifique se é compatível com sua plataforma;
  2. Segurança é essencial, portanto pesquise e opte por um gateway que ofereça um sistema de alta performance;
  3. Um bom suporte técnico faz toda a diferença na hora de resolver um problema. Então, veja dentre as opções aqueles que oferecem múltiplas plataformas de atendimento;
  4. Adianta um sistema que fica fora do ar a maior parte do tempo? Isso resultará em vendas perdidas. Por isso, a ferramenta precisa ser estável e confiável;
  5. Opte por um sistema que lhe dê facilidade de uso e seja simples para integrar. O seu foco é seu negócio e não dá para perder tempo quebrando a cabeça com soluções complicadas; 
  6. Não escolha a primeira opção. Pesquise muito até encontrar um gateway que alie boas taxas para utilização, bem como todos os itens acima.

 

Conheça alguns gateways de pagamento

Agora, alguns exemplos de gateways de pagamento que você pode considerar:

  1. Mercado Pago
  2. Appmax
  3. Cielo
  4. PagSeguro
  5. PagBrasil
  6. Pagar.me
  7. Vindi (Yapay)

Escolher o gateway de pagamento certo pode fazer toda a diferença no seu negócio.

Por isso, avalie as opções, considere as vantagens e desafios de cada ferramenta, e tome uma decisão a partir de informações detalhadas.

Dessa forma, você garante transações seguras e clientes satisfeitos.

Geraldo Lucciani é jornalista, especialista em Marketing Digital e Gestor Cultural. Apaixonado por tecnologia e internet, escreve conteúdos para sites, blogs e redes sociais desde 2016. Atua também na cena cultural da capital mineira produzindo espetáculos e trazendo nomes do humor para a cidade. Nas horas vagas, ama ler, assistir filmes, séries e, claro, peças de teatro.

Nenhum comentário

This Post Has 0 Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top