Diferença entre Servidor Virtual (alguns chamam de servidor vps) e Servidor Dedicado.

Servidor Virtual Privado x Servidor Dedicado -Qual escolher?

05/02/2016

Compartilhe!


Você sabe exatamente qual a diferença entre Servidor Virtual (alguns chamam de servidor vps) e Servidor Dedicado? Mostraremos no texto abaixo as principais características de cada um. Se você está pensando em adquirir um dos serviços de hospedagem de servidor, continue a leitura e não esqueça de nos contatar caso ainda esteja com dúvidas.

beneficios servidor

Servidor Virtual

O Servidor virtual privado ou VPS (Virtual Private Server) é um ambiente virtual implementado em uma máquina física, a partir de tecnologias de virtualização. Este ambiente possui seu próprio sistema operacional, recursos de hardware e software dedicados. O acesso do cliente é de administrador que lhe permite a alteração de qualquer tipo de configuração e/ou instalação de software que seja compatível com o sistema operacional escolhido.

A contratação deste tipo de serviço é feita baseando-se na necessidade de cada aplicação que será hospedada no ambiente. A partir daí, define-se o tipo de sistema operacional (máquina virtual Windows ou Linux), quantidade de memória RAM, número de processadores, espaço de armazenamento (HD) e tráfego desejado para atender de maneira correta, os requisitos da(s) aplicação(ões). Cabe ressaltar que upgrades destes recursos são totalmente possíveis e levam, em média, pouquíssimo tempo para serem configurados.

O VPS é uma solução mais econômica para pessoas ou empresas com necessidades específicas que não podem ser atendidas por uma hospedagem comum, seja por limite de recursos ou por limitações técnicas, comuns neste tipo de hospedagem.

Servidor Dedicado ou Co-location

Diferente do ambiente virtualizado que definimos acima, o servidor dedicado é uma máquina física, configurada exclusivamente para atender apenas as aplicações de um único cliente. Exemplificando: no ambiente virtualizado, uma única máquina física pode hospedar diversas máquinas virtuais e, por mais que tenham tecnologias para isolar os ambientes virtuais, existe a possibilidade de determinado VPS influenciar no desempenho de outro. No ambiente dedicado, os recursos são disponibilizados apenas para um cliente e suas aplicações.

A contratação desse serviço também é feita de acordo com a necessidade das aplicações para o qual será destinado. No entanto, por se tratar de um ambiente físico, é importante mensurar com maior exatidão a quantidade de recursos necessários para que não fiquem subutilizados ou insuficientes para a correta execução de suas aplicações. Upgrade de recursos também é possível, mas demandam um tempo maior de configuração.

Essa solução geralmente é recomendada para grandes sistemas/sites que necessitam de grande quantidade de recursos de hardware e que não mais se enquadram numa hospedagem virtualizada. O serviço possui custo mais elevado ao de outras soluções, por trazer recursos físicos totalmente dedicados apenas para um cliente e suas aplicações.

 

 

 

 

Conclusão

A escolha entre um servidor dedicado ou servidor virtual deve ser feita de acordo com a necessidade de recursos utilizados pela aplicação e o custo envolvido em cada tipo de solução. Além de recomendar sempre um contato prévio com especialistas para avaliar a aplicação e suas necessidades, boas orientações para a definição de qual ambiente utilizar podem ser adquiridas nas empresas que disponibilizam estes tipos de serviço.

Conte com a Task para auxiliá-lo.

Saiba 4 motivos para implantação de um Servidor virtual na sua empresa. 

Compartilhe!


8

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *