Atitudes como criar senhas difíceis, usar antivírus nos dispositivos e analisar as mensagens que recebe podem mantê-lo a salvo de uma conta de email invadida.

As melhores práticas para manter o seu email seguro

Compartilhe!


O email segue como um canal indispensável para troca de mensagens online. Por isso, além de ter um serviço de email profissional, é importante conhecer as melhores práticas para manter o seu email seguro e não cair em golpes na rede.

É muito importante tomar certos cuidados para que não aconteça uma invasão. Pensando nisso, listamos as principais atitudes que você precisa tomar para se manter a salvo desse problema.

Práticas para manter seu email seguro

Senhas

Sabe por que essa é a primeira dica? Mesmo existindo uma infinidade de artigos ensinando sobre a importância de possuir senhas seguras e únicas, grande parte das pessoas ainda cometem esse erro.

A senha é a chave mais importante para manter o seu email seguro. Por isso, é essencial seguir alguma regras:

  • criar uma senha forte com letras maiúsculas e minúsculas, números e caracteres especiais;
  • use senha única para cada aplicação que possuir, troque-as com frequência e nunca as reutilize;
  • Não use senhas óbvias como datas de aniversário e sequências tradicionais. Ou seja, jamais use a senha “123456”.

Em nosso blog, temos um artigo completo para que você proteja suas contas com senhas fortes. Não deixe de ler!

Dados Pessoais

Sabe-se que alguns serviços de email gratuitos, embora usem criptografia, monitoram as contas para conhecer o perfil de compra dos usuários e direcionar anúncios. Por isso, o ideal é utilizar um serviço de email profissional de confiança.

Ainda assim, no final das contas, o que todo criminoso cibernético deseja são as suas informações. Portanto, cuidado ao informar por e-mail (principalmente os gratuitos) dados pessoais como endereço, documentos, números de cartões, senhas etc.

Qualquer brecha de segurança pode ser um risco à sua integridade online, bem como à da sua empresa. Proteja-se!

Controle do Spam

O Spam, mensagem eletrônica disparada em massa e sem autorização, é um problema muito comum. Além de serem inconvenientes e levarem à perda de produtividade durante o dia, muitos deles são mensagens com objetivos fraudulentos. Por isso, tome cuidado.

Embora a maioria dos serviços de email profissional possuam um bom serviço antispam, o ideal é sempre ficar atento às mensagens que chegam em sua caixa de entrada. Uma dica valiosa: nunca clique em links de remetentes desconhecidos.

Caso queira se aprofundar no assunto, temos um artigo com 4 Dicas básicas para se livrar dos spams.

Resposta automática de ausência / férias

Criar respostas automáticas de aviso de férias é uma prática muito comum entre as empresas. No entanto, essa atitude pode ser o chamariz para um ataque direcionado.

Normalmente essas mensagens possuem muitas informações, tais como nome completo, cargo, telefone, funcionários designados em sua ausência, tipos de projetos / responsáveis para cada um etc.

Quanto mais informações você usar neste e-mail, mais dados você entregará para os criminosos. Por isso, mais convincentes serão as mensagens direcionadas para você ou outros contatos da empresa, com objetivo de aplicar algum golpe.

Nesse sentido, caso opte por respostas automáticas, insira um texto com dados pertinentes somente ao período de férias, sem muitos detalhes de contatos ou informações pessoais.

Wifi público x privado x VPN

O acesso ao email pelo celular é muito comum. Uma prática usual é utilizar Wifi de estabelecimentos públicos (praças, restaurantes, academias, shoppings) para se conectar. Isso é um perigo!

Muitos hackers possuem conhecimento suficiente para roubar suas informações e fazer mal uso delas.

O ideal é sempre utilizar uma rede wifi privada, com senha forte e de quem você conheça a procedência.

Em outros casos, dependendo da situação, é possível optar por uma Rede Virtual Privada (Virtual Private Network – VPN). Muito utilizado em empresas com filiais ou entre cadeia de fornecedores para ter um canal exclusivo e com criptografia dentro da rede.

Mas atenção! Isso não quer dizer que você não precisa utilizar outras práticas para manter o seu email seguro.

Downloads de Anexos

Muito cuidado ao baixar arquivos do seu email. Existem muitos golpes na internet que copiam o design de empresas grandes e colocam anexos duvidosos com objetivo de coletar suas informações.

Antes de abrir um anexo, é preciso ficar de olho em alguns detalhes:

  • Verifique o remetente da mensagem. Se for um endereço estranho, delete!
  • Observe a extensão do arquivo. Se for doc, xls, png, jpg a chance de não ser nada é grande. Mas se for um arquivo exe (executável), pode ser um programa malicioso. Cuidado!

Tipos de Acesso

Existem aplicativos de celular que solicitam acesso a outras aplicações para poderem funcionar. Alguns deles, por exemplo, pedem acesso ao seu serviço de e-mail.

Se você baixar muitos aplicativos e for liberando acesso da sua conta deliberadamente, poderá perder o controle e, quanto mais liberações, mais o seu email estará em risco.

Uso de serviço de e-mail profissional e criptografado

Criptografar um email significa que todo o seu conteúdo vai trafegar “embaralhado” até o destino. Assim que o recebimento for realizado, a mensagem será descriptografada, permitindo que o destinatário consiga acessar seu conteúdo.

A criptografia é um mecanismo de segurança para proteger as suas informações na web. No entanto, nem todos os e-mails possuem essa característica. Por isso, é muito importante optar por um serviço de email profissional.

O serviço de email da Task, por exemplo, quando acessado pelo Webmail, é obrigatoriamente criptografado. No entanto, quando você utiliza algum cliente de email (como outlook), você precisa configurar essa opção na ferramenta.

Cuidados com os dispositivos que você acessa o seu serviço de email

Evite usar computadores compartilhados para acessar o seu email. Além disso, não deixe seu celular ou computador pessoal desbloqueado para que qualquer pessoa possa utilizar (principalmente estranhos).

Além disso, certifique-se que os dispositivos que for utilizar sempre estejam com detector de malware, vírus e todas as aplicações atualizadas.

Colocando essas informações em prática, você aumenta a chance de ter um email seguro.

Para concluir, temos uma dica importante: esteja sempre alerta! Desconfie de todo e qualquer conteúdo suspeito, analise as mensagens, os anexos e sempre faça a checagem do remetente.

Leia também!

Como fazer a transferência dos meus serviços de e-mail?

Serviços de e-mail: motivos para fazer um registro de domínio personalizado

Serviços de e-mail: como escolher um bom provedor?

Serviços de e-mail: quais as melhores práticas para enviar mensagens

Serviços de e-mail: entenda como mensagens são enviadas

Compartilhe!


0

1 Comentários

  • obrigado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *